CORPO

07/11/2013
Teste de Sentar e Levantar

Antes de começar a ler esse texto, fique em pé, tire os sapatos e tente sentar-se no chão usando o mínimo de apoio possível. Uma vez sentado, volte a se levantar, também tentando usar o mínimo apoio necessário. Por incrível que pareça, dependendo do seu desempenho nesta simples tarefa, podemos estimar com alguma precisão o seu risco de morrer nos próximos anos.

Antes que você pense que eu estou ficando maluca, me explico: um grupo de médicos e pesquisadores brasileiros desenvolveu um teste simples e prático, chamado Teste do Sentar e Levantar, para avaliar a saúde e a forma física das pessoas. Ao longo de 6 anos, teste foi aplicado em dois mil indivíduos entre 50 e 80 anos. Em seguida, eles avaliaram o que acontecia com a saúde deles ao longo do tempo. A descoberta foi bombástica: a despeito de variáveis como idade, sexo e condição de saúde, as pessoas que tiveram que usar mais de dois apoios (mão, joelhos etc) para sentar e levantar do chão morreram cinco a seis vezes mais frequentemente do que aqueles que precisavam de nenhum ou apenas um apoio.

Esta pesquisa mostra que, estatisticamente, se você consegue hoje sentar ou levantar do chão com relativa facilidade, suas chances de morrer por qualquer causa nos próximos seis anos são de aproximadamente 3%. Entretanto, se não consegue ou precisa apoiar mãos, joelhos etc no chão, a chance de morrer salta para quase 20%. Parece bruxaria mas não é! Na verdade, se você não consegue sentar e levantar, provavelmente você precisa melhorar um dos seguintes fatores: excesso de peso, falta de força, baixo equilíbrio ou pouca flexibilidade.

Se o que te impede de sentar ou levantar é uma barriguinha protuberante, articulações enferrujadas, músculos fracos ou problemas de equilíbrio, não sabemos. Porém, podemos apostar que, se você teve um mau resultado no teste, sua forma física precisa ser urgentemente modificada. Assim, se você, a despeito da idade, não consegue se sentar ou se levantar do chão com facilidade, agende uma consulta com o seu médico o quanto antes.

Para saber mais, a descrição do trabalho está no site: http://cpr.sagepub.com/content/early/2012/12/10/2047487312471759.abstract. Os autores disponibilizaram ainda um vídeo no YouTube mostrando como fazer e calcular os seus pontos no teste: http://www.youtube.com/watch?v=MCQ2WA2T2oA. Boa sorte!


Dra. Aline Sardinha – Psicóloga Clínica e Coach (CRP:34.146)






COMPARTILHE:

COMENTÁRIOS
Nome: Mensagem:
E-mail:
Informe esse número ao lado:
trocar imagem