CORPO

19/02/2013
Respiração de bebê

Você já observou um bebê dormindo? Já reparou como eles respiram? Visualize a cena de um bebê dormindo... Sua barriguinha subindo e descendo, calmamente, a cada vez que o ar entra e sai dos pulmões. Ele parece estressado? Imagino que não.

Agora preste atenção na sua própria respiração. Quando você inspira, como fica o seu tórax? Quanto tempo você leva para encher os pulmões de ar e soltar todo o ar? Se você respira rápido, enche apenas parcialmente os pulmões e, ao invés da barriga, o seu peito é que se movimenta, você provavelmente anda estressado!

Ao respirar desse jeito, o equilíbrio entre o oxigênio e o gás carbônico fica prejudicado. E se tem uma coisa que o nosso cérebro entende como ameaça, certamente são as alterações no nosso nível de oxigenação. Por mais leve que seja esse desequilíbrio, nosso sistema nervoso fica atento a ele e pronto para entrar em ação a qualquer momento... Isso é estresse, lembra?

Que tal praticarmos a respiração de bebê por alguns minutos? O nome dessa técnica respiratória é respiração diafragmática. Ela é usada em diversas abordagens que, comprovadamente, auxiliam na redução do estresse, como a ioga, por exemplo.
Encontre um lugar confortável para sentar ou deitar. Observe sua respiração por alguns segundos. Agora procure respirar um pouco mais lentamente, enchendo e esvaziando um pouco mais os pulmões a cada vez, sem fazer força nem soprar o ar para fora. Pense na barriguinha do bebê. Tente dilatar um pouco o seu abdome a cada vez que o ar entrar e relaxar o abdome enquanto o ar sai dos pulmões. Treine fazer isso durante alguns dias, dois minutos por dia.

Quando perceber que está conseguindo levar o ar mais para a barriga e que o seu peito de movimenta muito pouco ao respirar, passe para a etapa seguinte: inspire contando até dois e solte o ar contando até quatro, devagar. Se sentir falta de ar ou desconforto, solte o ar em três tempos ao invés de quatro. Com o tempo, vai ficando mais fácil.
Respirando desse jeito, você se sente estressado?

Dra. Aline Sardinha: Psicóloga clínica e Coach (CRP/05:34.146)









COMPARTILHE:

COMENTÁRIOS
Nome: Mensagem:
E-mail:
Informe esse número ao lado:
trocar imagem